Chá quente

Cúmulos...

Crónicas de Segunda 9

Crónicas de Segunda 8

Crónicas de Segunda 7

Antíteses portuguesas

Chá frio

Maio 2015

Junho 2014

Abril 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Chás mais bebidos

quem já bebeu
quem já bebeu
quem já bebeu
quem já bebeu

O Bule

todas as tags

Sábado, 21 de Junho de 2014

Crónicas de Segunda 5

Profissionais do Sucesso

 

Disse-me um dia um professor que “elogios longos soam a encomendas, críticas curtas soam a opiniões levianas”. Este texto será um elogio, logo, necessariamente curto.

 

A semana que passou foi marcada pelas Jornadas da Escola Profissional de Rio Maior. Esse facto suscita-me afirmar que está por fazer o tributo merecido ao Prof. Luciano Vitorino.

 

Num país em que, segundo parece, só os mortos são dignos de palavras bonitas, é importante perceber que também os vivos precisam de incentivos públicos.

 

Na qualidade de Diretor Pedagógico da EPRM, o Prof. Luciano Vitorino tem-se notabilizado pela permanente capacidade de concretizar sonhos. Não apenas os sonhos da escola em aumentar a sua qualidade pedagógica mas também os sonhos dos alunos.

 

Dos destaques televisivos aos projetos internacionais, passando pelo reconhecimento generalizado (que chega ao Governo, segundo julgo saber), a Escola tem estado de parabéns.

 

É bom para a instituição e para os alunos, mas é igualmente bom para o concelho e para a região.

 

Há, naturalmente, muito mérito por parte das entidades parceiras (Câmara Municipal, Associação de Produtores Agrícolas e Associação Empresarial), que proporcionam as condições para que a EPRM possa funcionar. Em todo o caso, sem o sonho e a capacidade concretizadora dos mesmos, nenhuma instituição trilha o caminho do sucesso.

 

Pela sua força de vontade, visão de futuro e permanente boa disposição, o Prof. Luciano é o pulmão da Escola Profissional de Rio Maior e eu não queria deixar passar a oportunidade de o assinalar.

 

Foi mais uma curta Crónica de Segunda, para leitores de primeira.

 

uma infusão de Paulo Colaço às 03:09
link directo | vai uma chávena?

Servido por

Paulo Colaço

pesquisar aqui

 

Instagram

Instagram

Outras infusões

subscrever feeds

Analytics

Chávenas recentes

If justice would ever Justa there would be so many...
Outra versão interessante encontrada no tubo. http...
Alguém que diz que, num casal homossexual, "um hom...
Deixemo-nos de ingenuidades...a rédea curta nos ga...
Caro António Saraiva, uma releitura do título dest...