Chá quente

Dialetos de Portugal 9

Dialetos de Portugal 8

Dialetos de Portugal 7

Dialetos de Portugal 6

Dialetos de Portugal 5

Chá frio

Maio 2015

Junho 2014

Abril 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

O Bule

todas as tags

Quinta-feira, 10 de Setembro de 2009

Dialetos de Portugal 9

Porches (Algarve)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:17
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 2 de Setembro de 2009

Dialetos de Portugal 8

Castelo de Vide (Portalegre)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:15
link directo | vai uma chávena?
Quinta-feira, 27 de Agosto de 2009

Dialetos de Portugal 7

Vila Praia de Âncora (Viana do Castelo)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:14
link directo | vai uma chávena?
Sexta-feira, 21 de Agosto de 2009

Dialetos de Portugal 6

Serpa (Beja)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:12
link directo | vai uma chávena?
Sábado, 15 de Agosto de 2009

Dialetos de Portugal 5

Moita do Martinho (Leiria)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:11
link directo | vai uma chávena?
Domingo, 9 de Agosto de 2009

Dialetos de Portugal 4

Granjal (Viseu)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:10
link directo | vai uma chávena?
Segunda-feira, 3 de Agosto de 2009

Dialetos de Portugal 3

Castro Laboreiro (Minho)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:08
link directo | vai uma chávena?
Terça-feira, 28 de Julho de 2009

Dialetos de Portugal 2

Câmara de Lobos (Madeira)

uma infusão de Paulo Colaço às 12:06
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 22 de Julho de 2009

Dialetos de Portugal 1

São Miguel (Açores)

 

uma infusão de Paulo Colaço às 12:02
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 15 de Julho de 2009

Pangramas

Que têm de comum estas duas frases?

 

a) Jovem craque belga prediz falhas no taxi.
b) The quick brown fox jumps over the lazy dog

 

São ambas pangramas: frases que contêm todas as letras de determinado alfabeto.

Uma em Português e outra em Inglês.

 

uma infusão de Paulo Colaço às 02:11
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 3 de Junho de 2009

A língua de Camões III

Bênção e não benção 

Bugalhos e não bogalhos
Com certeza e não concerteza 
Corrupio e não corropio
Despender e não dispender
Despiciendo e não dispiciendo 
Displicente e não desplicente
Elite e não élite
Emirados e não Emiratos
Inclusive e não inclusivé
Inflação e não inflacção
Infra-estruturas e não infraestruturas
Inglesas e não Inglêsas
Interveio e não interviu
Jus e não juz
Logótipo e não logotipo
Magnata e não magnáta
Meteorológicas e não metereológicas
Obsessão e não obcessão
Predefinido e não pré-defenido
Quartel-general e não quartel general
Retaguarda e não rectaguarda
Retractar-se e não retratar-se
Tivemos e não tivémos
Vide e não vidé
Xeque-mate e não cheque-mate
 
Encontrei isto nos lugares mesmo comuns da LPM.
Foi aí que tomei conhecimento do Livro de Estilo da LPM, cuja leitura recomendo.
uma infusão de Paulo Colaço às 01:56
link directo | vai uma chávena?
Terça-feira, 28 de Abril de 2009

Língua de Camões II - A tautologia

Tautologia é o termo usado para definir um dos vícios de linguagem. Consiste na repetição de uma ideia com palavras diferentes, mas com o mesmo sentido.

O exemplo clássico é o famoso 'subir para cima'. Mas há outros:
 
- elo de ligação
- acabamento final
- certeza absoluta
- quantia exacta
- nos dias 8, 9 e 10, inclusive
- em duas metades iguais
- sintomas indicativos
- há anos atrás
- outra alternativa
- detalhes minuciosos
- anexo junto
- escolha
- superávit positivo
- todos foram unânimes
- conviver junto
- facto real
- encarar de frente
- multidão de pessoas
- amanhecer o dia
- criação nova
- retornar de novo
- empréstimo temporário
- surpresa inesperada
- escolha opcional
- planear antecipadamente
- abertura inaugural
- continua a permanecer
- a última versão definitiva
- possivelmente poderá ocorrer
- comparecer em pessoa
- gritar bem alto
- seu critério pessoal
 
uma infusão de Paulo Colaço às 11:23
link directo | vai uma chávena?
Quinta-feira, 31 de Julho de 2008

Língua de Camões

 

Os professores de português nos EUA acusam Portugal de não investir no ensino da língua.
 
Diz um: Não colocam professores, não pagam aos que cá estão, não apoiam com materiais escolares, nem formação, nem qualquer outra coisa
 
Acusa outro: Estado português prefere investir milhares de dólares e apoiar leitorados de Português em universidades onde estudam meia dúzia de alunos estrangeiros
A minha escola precisa de professores de Português, mas não os encontra porque eles não se formam nas universidades norte-americanas
 
Lembra um terceiro: De um momento para o outro, a nova legislação do Ensino do Português no Estrangeiro ignora totalmente as escolas comunitárias, a comunidade e o trabalho aqui desenvolvido ao longo dos anos, optando por criar uma certificação que é uma espécie de exame da escola virtual que todos sabem e que ninguém se vai dar ao trabalho de fazer
 
 
Há uma velha piada. Um crente reclama com deus porque este nunca o ajudara a ganhar a lotaria. Deus explica-lhe: eu até te ajudava, mas tu nunca compraste uma cautela!
 
Todos queremos que a língua tenha força - sobretudo agora que reparámos que a sua fraqueza nos levou a ser papados no acordo ortográfico - mas trabalhar para isso está difícil…
 
(nota, a foto foi retirada de http://blog.punchline.pt
uma infusão de Paulo Colaço às 11:52
link directo | vai uma chávena?
Domingo, 27 de Julho de 2008

Ubaldo "Camões" Ribeiro

 

O brasileiro João Ubaldo Ribeiro ganhou o Prémio Camões 2008.

Dele li apenas "A casa dos budas ditosos".

Eu trabalhava na livraria da Fnac Chiado quando o livro saiu.

Era uma forma de ganhar uns trocos enquanto passeava (pouco) pela FDL.

O livro vendia como água no deserto. Razão: dizia-se que o Continente tinha banido esse livro das suas estantes.

Nunca soube se era verdade mas quem ganhou foi o João Ubaldo.

Ahh, e quem leu o livro. Ainda que o tenha comprado pela publicidade negativa...

 

uma infusão de Paulo Colaço às 04:12
link directo | vai uma chávena?

Servido por

Paulo Colaço

pesquisar aqui

 

Instagram

Instagram

Outras infusões

subscrever feeds

Analytics

Chávenas recentes

If justice would ever Justa there would be so many...
Outra versão interessante encontrada no tubo. http...
Alguém que diz que, num casal homossexual, "um hom...
Deixemo-nos de ingenuidades...a rédea curta nos ga...
Caro António Saraiva, uma releitura do título dest...