Chá quente

Afinal, nem foi tão mau

Carlos Enes na Comissão

A união da desunião

A falha do PS...

Tens de sair, pá!

Chá frio

Maio 2015

Junho 2014

Abril 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Chás mais bebidos

quem já bebeu
quem já bebeu
quem já bebeu

O Bule

todas as tags

Sábado, 17 de Julho de 2010

Afinal, nem foi tão mau

Foi através da televisão que soube que o meu salário ia descer.

Poderia ter sido bem pior.

Há tempos, 230 Deputados souberam pela televisão que iam perder o emprego, ao tempo do Jorge Sampaio e Santana Lopes.

 

 

uma infusão de Paulo Colaço às 02:02
link directo | vai uma chávena?
Domingo, 25 de Abril de 2010

Carlos Enes na Comissão


O Carlos Enes tem os três requisitos que fazem dele um grande Jornalista: excelente domínio da língua, notável perspicácia e enorme coragem. Há dias, este Psico-Amigo foi à "Comissão". Porém, mais me parece que é a "Comissão" que está a querer ir ao Carlos, e a sangue-frio.
Porquê? Um dos principais motivos: fiel à deontologia, não quer revelar fontes. E prefere ir preso a fazê-lo.
"Não troco 15 anos de profissão por 15 minutos de fama!", declarou.
É pena que não haja no Tubo clips mais completos que este, mas quem não conhece um dos nossos melhores jornalistas de investigação, estes dois minutos são esclarecedores quanto à sua têmpera.

É um orgulho ter amigos desta natureza.
Eu pergunto se o "imprescindível" sindicato dos jornalistas já se pronunciou. Alguém sabe?
Ou a rapaziada da doentologia, tão rápidos nestes casos a ir às televisões, já se os ouviu piar?
uma infusão de Paulo Colaço às 12:02
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 11 de Novembro de 2009

A união da desunião

A julgar pelas palavras de José Pedro Aguiar Branco, o PSD pode vir a contrapor a "união civil registada" ao projecto PS de casamentos entre homossexuais.
É, pelo menos, um "ponto de partida". Segundo o Público, esta ideia tem adeptos entre deputados socialistas e pode desunir a sua bancada.
Serão os casos de Teresa Venda e Maria do Rosário Carneiro. Maria de Belém Roseira também aguarda para saber qual será ao certo a proposta do PSD.

Creio que não está em risco a aprovação da proposta do PM, mas o que diriam os portugueses se fossem confrontados com a votação?

 

uma infusão de Paulo Colaço às 15:59
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 8 de Julho de 2009

A falha do PS...

Quanto ao relatório do PS na comissão ao caso BPN, a falha do PS foi "reconhecer" que Vítor Constâncio podia ter sido mais diligente.
Se podia, por que não foi?
Se não foi, por que se mantém?
Eis a conclusão que os socialistas não quiseram tirar...

 

uma infusão de Paulo Colaço às 10:11
link directo | vai uma chávena?
Sexta-feira, 3 de Julho de 2009

Tens de sair, pá!

Mas alguém acredita que foi Pinho que se demitiu?

Não será opinião inédita mas estou convicto que foi o chefe que lhe disse:

- Epá, desta vez não te consigo segurar! No ínício do mandato, eu ainda era muito forte, todo poderoso e podia ser arrogante à vontade que o Povo comia! Agora estou a fingir-me de pessoa com sentimentos. Tens de sair, pá!

 

Se o chefe de Pinho fosse adepto da Política de Verdade, teria dito à imprensa que pediu ao Ministro que repensasse a manutenção no Governo.

 

uma infusão de Paulo Colaço às 16:27
link directo | vai uma chávena? | quem já bebeu (1)
Quarta-feira, 15 de Abril de 2009

AR TV

Estou a ver o Canal Parlamento.

A transmissão actual é a presença no Ministro da Justiça na 1ª Comissão.

O Ministro vai explicar ou tentar convencer os deputados que não encetou diligências para condicionar ou pressionar os magistrados do caso Freeport.

O curioso é que o botão que dá acesso ao visionamento traz uma notificação de "serviço temporariamente indisponível".

 

uma infusão de Paulo Colaço às 13:11
link directo | vai uma chávena?
Quinta-feira, 26 de Março de 2009

Trabalhava-se com banda sonora

uma infusão de Paulo Colaço às 12:11
link directo | vai uma chávena? | quem já bebeu (2)
Quarta-feira, 18 de Março de 2009

Paulo Rangel

Cada vez melhor do frente-a-frente com Sócrates.

Autor das tiradas mais destrutivas, expondo as duas caras do PM.

uma infusão de Paulo Colaço às 16:04
link directo | vai uma chávena? | quem já bebeu (2)
Domingo, 2 de Novembro de 2008

Grupo Parlamentar do PSD continua a apostar na Blogosfera

 

O tema das nossas jornadas parlamentares, a realizar amanhã e terça em Évora, é “Verdade e Alternativa”.
 
Após o sucesso anterior, Paulo Rangel continua a apostar na blogosfera.
 
E o programa é de todo o interesse, com diversos oradores exteriores ao PSD, revelando abertura e utilidade de sair fora do quadrado:
 
- Diogo de Lucena e Maria José Nogueira Pinto (Políticas Sociais e Exclusão Social)
- Jacques Attali (Oportunidades e riscos no contexto da Globalização: o papel do Estado e dos mercados)
- Artur Santos Silva (Empresas e competitividade: o desafio da inovação)
- Henrique Neto (Economia: Emprego e PMEs)
uma infusão de Paulo Colaço às 17:24
link directo | vai uma chávena? | quem já bebeu (1)
Sexta-feira, 10 de Outubro de 2008

Conclusões

 

- O PS diz que é a favor do casamento gay mas vota contra
- Vota contra porque não está no seu programa
- Não está no seu programa mas está nos seus objectivos
- Está nos seus objectivos mas não será “programado” na próxima legislatura
 
Por outro lado:
 
- O Partido do Governo diz-se defensor da liberdade mas amordaçou os seus deputados
 
Conclusão:
 
- O Partido do Governo tem de mudar, rapidamente, de agência de comunicação.
uma infusão de Paulo Colaço às 15:14
link directo | vai uma chávena?
Quinta-feira, 2 de Outubro de 2008

Não é ironia...

O PSD é contra o casamento entre homossexuais mas os seus deputados podem votar a favor.

O PS parece ser a favor de casamentos entre homossexuais mas os seus deputados estão proibidos de o aprovar.

 

Estranha ironia. É que foi o PSD que "nasceu" na Assembleia Nacional... e o PS nasceu nas trincheiras contra o regime opressor.

 

Nada: a ironia é aparente. O PSD "nasceu" na Assembleia Nacional e foi lá que lutou pelos direitos individuais e liberdade de expressão.

O PS nasceu na trincheira mas com o objectivo de, chegando ao Poder, ser o mais parecido possível com quem mandava...

 

link 1   link 2   link 3  link 4

 

uma infusão de Paulo Colaço às 18:36
link directo | vai uma chávena? | quem já bebeu (2)
Quarta-feira, 1 de Outubro de 2008

o PSD está blogueiro

E ainda bem!

Paulo Rangel transportou o Grupo Parlamentar do PSD para a blogosfera.

Porquê? Porque o PSD agendou um debate parlamentar sobre Exigência e Qualidade do Ensino e, em fase de preparação, quer provocar a discussão na internet.

Criou um blog em que todos podem participar, opinar, enviar documentos, discutir e divergir.

É boa maneira bloguística!

Grande malha!

uma infusão de Paulo Colaço às 15:53
link directo | vai uma chávena?
Sexta-feira, 19 de Setembro de 2008

A Casa do Mariquinhas

Faço esta alusão ao grande fado da Amália ao ler que no PS querem impedir que BE e Verdes vejam aprovados os seus projectos de casamento entre homossexuais.
Mais: no PS, quer-se também impedir a liberdade de voto aos deputados que pretendam votar conforme a sua consciência.
Será que Sócrates tem medo de perder as eleições se o seu partido viabilizar o casamento homossexual?
E será que naquela casa do Largo do Rato vão permitir que os medos de um condicionem as promessas dos outros?
Se isso acontecer, outro nome não terão: cobardes!
 
uma infusão de Paulo Colaço às 04:25
link directo | vai uma chávena?
Quarta-feira, 20 de Agosto de 2008

As dúvidas de Cavaco... e as minhas

 

Cavaco Silva devolveu hoje à Assembleia da República, sem promulgação, o diploma que altera o Regime Jurídico do Divórcio. É a notícia do dia, já comentada pelo PSD (que afinal não está em silêncio).
 
A minha pergunta é esta: Cavaco recusa promulgar com base em argumentos sociais ou morais?
 
E, nesse caso, será “permitido” ao PR não promulgar, ainda que a AR confirme o diploma?
Terá morrido a colaboração estratégica ou esta seria a atitude de Cavaco face a qualquer Governo?
uma infusão de Paulo Colaço às 13:01
link directo | vai uma chávena?
Quinta-feira, 10 de Julho de 2008

Sócrates, o pródigo

O primeiro-ministro apresenta amanhã, no Parlamento, durante o debate do estado da Nação, medidas para atenuar os efeitos da crise internacional.

 

Pela forma como tem, ultimamente anunciado benefícios que já existem, o PM prepara-se para dizer hoje: desta data em diante, passam todos a poder respirar...

uma infusão de Paulo Colaço às 05:52
link directo | vai uma chávena?

Servido por

Paulo Colaço

pesquisar aqui

 

Instagram

Instagram

Outras infusões

subscrever feeds

Analytics

Chávenas recentes

If justice would ever Justa there would be so many...
Outra versão interessante encontrada no tubo. http...
Alguém que diz que, num casal homossexual, "um hom...
Deixemo-nos de ingenuidades...a rédea curta nos ga...
Caro António Saraiva, uma releitura do título dest...