Chá quente

Língua de Camões

Chá frio

Junho 2018

Maio 2015

Junho 2014

Abril 2014

Outubro 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Março 2013

Fevereiro 2013

Janeiro 2013

Agosto 2012

Novembro 2011

Junho 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

O Bule

todas as tags

Quinta-feira, 31 de Julho de 2008

Língua de Camões

 

Os professores de português nos EUA acusam Portugal de não investir no ensino da língua.
 
Diz um: Não colocam professores, não pagam aos que cá estão, não apoiam com materiais escolares, nem formação, nem qualquer outra coisa
 
Acusa outro: Estado português prefere investir milhares de dólares e apoiar leitorados de Português em universidades onde estudam meia dúzia de alunos estrangeiros
A minha escola precisa de professores de Português, mas não os encontra porque eles não se formam nas universidades norte-americanas
 
Lembra um terceiro: De um momento para o outro, a nova legislação do Ensino do Português no Estrangeiro ignora totalmente as escolas comunitárias, a comunidade e o trabalho aqui desenvolvido ao longo dos anos, optando por criar uma certificação que é uma espécie de exame da escola virtual que todos sabem e que ninguém se vai dar ao trabalho de fazer
 
 
Há uma velha piada. Um crente reclama com deus porque este nunca o ajudara a ganhar a lotaria. Deus explica-lhe: eu até te ajudava, mas tu nunca compraste uma cautela!
 
Todos queremos que a língua tenha força - sobretudo agora que reparámos que a sua fraqueza nos levou a ser papados no acordo ortográfico - mas trabalhar para isso está difícil…
 
(nota, a foto foi retirada de http://blog.punchline.pt
uma infusão de Paulo Colaço às 11:52
link directo | vai uma chávena?

Servido por

Paulo Colaço

pesquisar aqui

 

Instagram

Instagram

Outras infusões

subscrever feeds

Chávenas recentes

Dou o exemplo da ascensão de Hitler tantas vezes.É...
If justice would ever Justa there would be so many...
Outra versão interessante encontrada no tubo. http...
Alguém que diz que, num casal homossexual, "um hom...
Deixemo-nos de ingenuidades...a rédea curta nos ga...